mel de barroso, our partners

15/09/2015 12:43

Mel de Barroso - DOP distinguido com a honrosa Medalha de Prata 2016

No passado dia 4 de Maio decorreu o 7º Concurso Nacional de Mel que teve lugar no Centro Nacional de Exposições, em Santarém, integrado na Feira Nacional de Agricultura de Santarém, edição de 2016.

Nesta iniciativa o Mel de Barroso – DOP® saiu destacado entre os vários méis de qualidade presentes a concurso, tendo sido distinguido com a honrosa Medalha de Prata 2016.

Além deste meritório prémio conquistado em 2016 também em 2014 o Mel de Barroso – DOP® conquistou o prémio de Mel do Ano, bem como a Medalha de Prata para as embalagens, ficando bem destacada a sua elegância e design apelativo.

Os prémios conquistados são um estímulo para a Cooperativa Agrícola de Boticas e para os apicultores associados da sua Organização de Produtores de Mel.

Estas distinções são igualmente o reconhecimento do esforço conjunto para levar até ao consumidor final um produto de exceção mantendo a sua pureza e características originais, nunca descurando a higiene, segurança e rastreabilidade do mesmo, de forma a obter um mel de características organoléticas excelentes e de propriedades terapêuticas particulares, benéficas para a saúde, reconhecidas cientificamente.

A aposta na qualidade e na inovação da imagem, com a criação das novas embalagens de Mel de Barroso – DOP Best Selection®, requintadas e elegantes, muito atraentes para o consumidor, foi assim reconhecida com a conquista de mais esta prestigiante distinção.

MEL DE BARROSO PDO
 
Mel de Barroso-PDO is produced by bee Apis mellifera iberiensis (SP. Iberica), in the regions of highest quota of Barroso. Its particular characteristics are the result of an extraordinary plant mantle composed mostly of Heather (Erica SP.), which in addition to providing a good development of the colonies of bees, originate from the manufacture of a dark honey very much appreciated.
 
The demand for this type of honey is quite high, as it has numerous uses, including in regional cuisine and on therapeutic action as it contains a multitude of beneficial substances for the human organism (antioxidants, vitamins, amino acids, proteins, ...), revealing a great natural source of health.
 
All honey marketed by CAPOLIB is subjected to a rigorous processing of laboratory tests, such as the pollen analysis, physico-chemical and waste (sulfonamidastetraciclinas, carbamatosorganofosforados).
MEL DE BARROSO AOP
 
Mel de Barroso-AOP est produit par l'abeille Apis mellifera iberiensis (SP. Iberica), dans les régions de quota plus élevé de Barroso. Ses caractéristiques particulières sont que le résultat d'un manteau de plante extraordinaire composée principalement de bruyère (Erica SP.), qui, en plus de fournir un bon développement des colonies d'abeilles, proviennent de la fabrication d'un miel foncé très apprécié.
 
La demande pour ce type de miel est assez élevée, car il a de multiples usages, notamment dans une cuisine régionale et sur l'action thérapeutique car il contient une multitude de substances bénéfiques pour l'organisme humain (antioxydants, vitamines, acides aminés, protéines,...), révélant une grande source naturelle de santé.
 
Tout miel commercialisé par CAPOLIB est soumis à un traitement rigoureux des tests en laboratoire, notamment l'analyse de pollen, physico-chimiques et des déchets (sulfonamidastetraciclinas, carbamatosorganofosforados).
MEL DE BARROSO DOP
 
O Mel de Barroso - DOP é produzido pela abelha Apis mellifera iberiensis (sp. Ibérica), nas regiões de cota mais elevada do Barroso. As suas características particulares resultam de um extraordinário manto vegetal, composto maioritariamente de urzes (Erica sp.), que além de proporcionarem um bom desenvolvimento das colónias das abelhas, originam o fabrico de um mel escuro muito apreciado.
 
A procura deste tipo de Mel é bastante elevada, pois tem inúmeras utilizações, nomeadamente na culinária regional e na acção terapêutica, já que contém uma infinidade de substâncias benéficas para o organismo humano (antioxidantes, vitaminas, aminoácidos, proteínas, …), revelando-se uma óptima fonte natural de saúde.
 
Todo o mel comercializado pela CAPOLIB é submetido a um rigoroso processamento de análises laboratoriais, tais como as análises polínicas, físico-químicas e de resíduos (sulfonamidastetraciclinas, carbamatosorganofosforados).
 
O Agrupamento de Produtores de "Mel de Barroso" - DOP foi reconhecido em Maio de 1995 e está sediado na CAPOLIB - Cooperativa Agrícola de Boticas, C.R.L. Conscientes da importância da diversificação de recursos em zona de montanha consideramos a produção apícola, um excelente recurso como complemento da economia familiar. A nossa unidade de extracção, a Casa do Mel, está tecnologicamente dotada dos meios e equipamentos necessários à obtenção de méis de elevado padrão de qualidade e excelentes características organolépticas, sanitárias e de segurança alimentar.

Neste momento dispomos de um estabelecimento industrial licenciado destinado à extracção, acondicionamento, processamento, embalamento e expedição de mel cujo número de controlo veterinário é [PT NEM 020 CE].
Temos também implementado um Sistema de Segurança Alimentar (fundamentado nos princípios do HACCP- Hazard Analysis and Critical Control Points) e todo o processo de rastreabilidade.

O papel primordial da CAPOLIB, não é apenas o fornecimento de melhores condições de produção, mas também o apoio técnico, necessário a uma maior rentabilização das explorações dos seus associados, aumentando a fixação das populações no meio rural. 

A CAPOLIB através do Agrupamento de Produtores de "Mel de Barroso" - DOP, é a instituição credenciada para a comercialização do "Mel de Barroso" - DOP, sendo responsável pela conservação de todas as suas propriedades e características originais, através do cumprimento e controlo das regras estipuladas no seu caderno de especificações, entre elas, a sanidade, o transporte, a extracção, a decantação, a armazenagem, o embalamento e a rotulagem. 

Apesar das referências escritas e mesmo orais ao potencial produtivo de mel na região serem remotas, a actividade apícola desempenha um papel importante desde a antiguidade, prova disso é a presença da abelha nos brasões de alguns concelhos, nomeadamente no de Boticas e no de Vila Pouca de Aguiar. 

 

http://www.tras-os-montes-gourmet.com/